sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Prefeitura de Morro Agudo adere ao 1º Mutirão Regional contra o Aedes Aegypti, amanhã, dia 30


Colabore colocando nas calçadas todo e qualquer recipiente que possa ser um criadouro do mosquito. Caminhões da Prefeitura irão recolher a partir das 08h00


A Prefeitura de Morro Agudo participará do 1º Mutirão Regional contra o Aedes Aegypti, promovido pela EPTV Ribeirão, amanhã, dia 30, a partir das 08h00.  A campanha terá como apoio cartazes, panfletos e camiseta para identificação. O objetivo é criar um dia de envolvimento regional, com a participação de todas as cidades da área de cobertura da EPTV, e orientá-las para o combate dos criadouros do mosquito transmissor da dengue, da febre chikungunya e do zika vírus.

Além das cidades da região, o projeto também será realizado em todas as outras cidades onde a EPTV está presente, totalizando 300 municípios com mais de 11 milhões de pessoas.
O prefeito Amauri Benedetti esteve presente na reunião entre os representantes da emissora e das cidades, realizada no último dia 14, no SESC em São Carlos e se comprometeu em disponibilizar a estrutura necessária para que Morro Agudo participe da ação.
Para o Prefeito, é necessário que a população também colabore, mantendo suas casas e locais de trabalho livres do mosquito. Segundo ele, em média 80% dos criadouros estão dentro de imóveis. "Trata-se de uma situação prevista, porque o mosquito precisa da proximidade com o ser humano para completar seu ciclo reprodutivo", disse ele.
Arrastão percorrerá toda a cidade de Morro Agudo a partir das 08 horas
O secretário municipal de Saúde, Sebastião Cognetti, juntamente com sua equipe está organizando o arrastão que percorrerá toda a cidade, recolhendo os possíveis criadouros do Aedes Aegypti.
Serão mais de dez caminhões e aproximadamente 100 pessoas trabalhando, amanhã (dia 30), a partir das 08h00, para recolher tudo o que possa se transformar em criadouro do mosquito. Para isso, a população deverá colaborar colocando nas calçadas todo e qualquer recipiente que possa ser um criadouro.

“O problema é muito grave e a única maneira de impedir o grande número de casos que está projetado para o futuro próximo é eliminar o mosquito e controlar a presença dele nos nossos ambientes", conclui o Secretário.







Amauri Benedetti é recebido em audiência pelo secretário Duarte Nogueira

O prefeito de Morro Agudo, Amauri Benedetti foi recebido em audiência pelo secretário estadual de Transportes e Logística, Duarte Nogueira, no último dia 20, em São Paulo.
Na oportunidade, o prefeito Amauri solicitou ao Duarte Nogueira intercessão junto ao governador Geraldo Alckmin para que seja liberado recursos, através  do Programa “Desenvolve São Paulo”, para o Distrito Industrial.
O Desenvolve São Paulo ou Agência de Desenvolvimento Paulista é uma instituição financeira do Governo do Estado de São Paulo que desde 2009, tem por objetivo o desenvolvimento sustentável do Estado por meio de operações de crédito consciente e de longo prazo.
O secretário Duarte Nogueira, em atendimento ao pedido do prefeito Amauri, mais uma vez se comprometeu em interceder junto ao Governo do Estado em busca de mais essa conquista para Morro Agudo.
Na ocasião, Amauri Benedetti também entregou um ofício solicitando um novo ônibus para ser o transporte de pacientes de Morro Agudo à Barretos, ao que Nogueira novamente se dispôs a buscar meios para viabilizar mais esse pedido junto ao Governo Estadual.






Quatro ônibus da Prefeitura recebem bancos novos e revisão da parte mecânica para o transporte de estudantes

A Prefeitura de Morro Agudo trocou todos os bancos de quatro ônibus que serão utilizados no transporte de estudantes universitários. Além da reforma no interior dos ônibus, foi feita também toda a revisão na parte mecânica.
“O investimento feito na troca de todos os bancos dos quatro ônibus, bem como toda a revisão da parte mecânica, além de garantir mais segurança e conforto, demonstra o respeito que a Administração Municipal tem pelos universitários de Morro Agudo”, disse o secretário de Obras e Serviços Públicos, Luiz Antônio Cabral Júnior.




Sentido da Solidariedade
A Solidariedade anima o ser humano. Alguns pensam que seja uma coisa abstrata. Não é. Você de repente está muito bem de vida, daqui a pouco não está mais. Um vizinho lhe arranja alimento para seus filhos. Veja a Solidariedade ativa nesse ato! Você vive distante, de súbito, sente no coração o desejo de se formar, digamos, em medicina, não tem o apoio de ninguém. Põe o pé no caminho, chega ao destino procurado e encontra pessoa amiga que o incentiva. E, depois de muita luta, alcança a vocação ambicionada.
Apesar de haver quem diga: “Não, eu me fiz sozinho!”. Duvido! Esses deveriam olhar para si próprios e ver se estão nus, porque as roupas que vestem passaram por muitas mãos. O tecido, antes, foi um vegetal qualquer perdido no campo; o botão compôs o corpo de um pobre animal. Seu cabelo precisa ser cortado. Deve-se tudo isso ao barbeiro, à costureira, ao alfaiate, ao operário, ao empresário... Devemos sempre algo a alguém. Observem o quanto a Solidariedade permeia a vida humana.
Mas ainda existem aqueles para quem esse fator não seja ação de política social. Por isso é que, se pararmos um pouco e meditarmos, voltados para a História, poderemos concluir a razão pela qual, talvez, ideologias brilhantes, na hora do “ver para crer”, apresentam resultado aquém do previsto, deixando os seus mais nobres idealistas frustrados.
Por quê? Porque faltou Solidariedade no coração de alguns dos seus executores. Isso para não falar em Caridade, poderoso sentimento que soberanamente envolve todos os demais. (...) Há os que até agora a consideram delírio de “desvairados” religiosos ou místicos “impostores”. Binet-Sanglé (1868-1941), autor de A loucura de Jesus, de certa forma pensava assim. Hoje, na Vida Espiritual — onde fatalmente caem as escamas que ensombrecem o entendimento dos Assuntos Divinos enquanto permanecemos na carne — pode estar revendo seus conceitos.
Sem Solidariedade e sem espírito de Caridade, estratégias de Deus, ninguém irá para a frente. O tempo mostrará aos mais céticos (...). Um dia serão quesitos fundamentais da Política (com P maiúsculo).

*José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.


Beto da Padaria é eleito governador do Distrito 4540 do Rotary Club para o ano rotário 2017/2018

O morroagudense Aparecido Gilberto Carvalho, mais conhecido como “Beto da Padaria” foi eleito governador do Distrito 4540 do Rotary Club, para o ano rotário 2017/2018 e sua mulher Claudia Regina Pereira coordenadora das Casas da Amizade.
A eleição foi realizada no último sábado (dia 23), pela Comissão de Indicação presidida por Antônio Carlos Marchiori.
Beto que foi presidente do Rotary Club de Morro Agudo por dois anos, recebeu a notícia de sua designação através do atual governador Adelino José Francisco, cujo mandato terminará no próximo mês de julho.
O Rotary Club escolhe os nomes dos governadores no mês de janeiro, os quais são empossados em julho do próximo ano, ou seja, são escolhidos com um ano e meio de antecedência.
Para o ano rotário 2018/2019 foi designado o rotariano Roberto Silas Ruiz Funari, do Rotary Club de Taquaritinga.

Ao assumir o cargo, o governador tem de visitar pelo menos uma vez, cada um dos clubes pertencentes ao seu Distrito.  Atualmente, o Distrito 4540 conta com 80 clubes e 1,6 mil associados, em 73 cidades da região de Ribeirão Preto.


Confira dicas para limpar casas que possuem animais de estimação

Empresa Natureza & Limpeza apresenta soluções práticas para o dia a dia para deixar a casa limpa e organizada, mesmo com a presença dos Pets

Eles são amáveis, fofos e queridos por toda a família, mas não tem como escapar. Casas que possuem animais de estimação precisam de um cuidado especial para manter tudo limpo e organizado no dia a dia. Pensando nisso a empresa Natureza & Limpeza, especializada em limpeza ecológica, apresenta dicas para limpar casas que possuem animais de estimação.
Uma boa dica para limpar a residência que possui animais que soltam muito pelos, como cães e gatos, é manter o animalzinho sempre tosado e não se atrasar muito para voltar com o bicho de estimação ao petshop para dar aquela renovada no visual. Além disso, deixe para escovar seu animal de estimação somente em local da casa, como na garagem ou varanda, pois assim todos os pelos se concentram em um determinado ponto e fica mais fácil para limpar e de preferência com um aspirador de pó.
Para quem tem um cãozinho em casa, outra boa sugestão é comprar babadores para animais. Além de dar um toque elegante ao pet, o acessório também irá diminuir a sujeira pela casa, principalmente no local onde os animais tomam água. Já para limpar o xixi, utilize luvas de proteção e papel absorvente assim quer perceber pequenas poças dentro da residência.

 Uma  outra dica é impermeabilizar os sofás, as cadeiras e outros móveis para evitar que os pelos dos animais grudem. Caso isso ocorra, escovas com cerdas macias garantem bons resultados na hora da limpeza. O ideal é limpar regularmente o bebedouro/comedouro e  acostumar o bichinho a comer sempre no mesmo local.
Dicas para as crianças curtirem o carnaval

A história do carnaval no Brasil vem do período colonial, iniciada pelos escravos. Cordões, ranchos, corsos, escolas de samba, marchinhas, sambas, afoxés e maracatus foram alguns dos ritmos que marcaram essa festa.
A primeira marchinha de carnaval foi composta em 1899, pela musicista e maestrina brasileira, Chiquinha Gonzaga: O Abre-Alas. E é através dessa música que vamos abrir espaço para as dicas de saúde, em um passeio por algumas antigas e saudosas marchinhas de carnaval.
Mamãe eu quero! Mamãe eu quero! Mamãe eu quero mamar!
“Apesar de politicamente incorreta, fazendo a apologia à chupeta e à mamadeira (não indicados pelas recomendações atuais), essa gravação, em um filme de 1940, mostra Carmem Miranda e Garoto em uma das marchinhas carnavalescas mais conhecidas de todos os tempos e nos remete à questão da alimentação durante os dias de folia”, conta o pediatra e homeopata Moises Chencinski (CRM-SP 36.349).
Quando se trata de crianças, sempre valem alguns lembretes importantes, defende o médico:
· Até os 6 meses de idade, a recomendação é o aleitamento materno exclusivo, em livre-demanda. Não é necessário oferecer água, ou qualquer outro tipo de líquido nessa faixa etária. Leite materno: alimenta e hidrata;
·  Em lactentes até um ano de idade, leite materno ainda é fundamental. Hidratação é importante. Sucos, mesmo os naturais, devem ser evitados até um ano de idade, segundo estudos recentes, pelo aumento do risco de diabetes tipo 2. As recomendações da Academia Americana de Pediatria (AAP) são que entre 1 e 6 anos se ofereça entre 120 a 180 ml ao dia e após os 7 anos, cerca de 250 ml ao dia (de sucos naturais);
·  Frutas frescas, legumes e verduras (FLV) com vitaminas, água e fibras, são recomendados também nessa época;
. É importante ficar atento para a higiene e a conservação dos alimentos consumidos, principalmente fora de casa, nas praias, clubes e hotéis. Maioneses, ovos, molhos e cremes necessitam de preparos cuidadosos e conservação impecável para que não causem reações graves, como intoxicações alimentares, levando a quadros febris, com diarreia, vômito e até  desidratação, que podem requerer desde “uma visita forçada” a um pronto-socorro até uma internação hospitalar;
·  Qualidade e quantidade devem ser bem controladas. Se for ultrapassado um limite individual de tolerância, reações alérgicas graves podem estragar a comemoração. Estamos falando de amendoins, corantes e sucos artificiais;
·  Se você pensa que cachaça é água, cachaça não é água não. A hidratação é fundamental. LEITE MATERNO (para os que ainda mamam) e, após o 6º mês de vida, sempre muita ÁGUA.
Não à bebida alcoólica
“O carnaval é uma festividade que costuma ser acompanhada de mais liberdade e menos controle. Some-se a isso a questão cultural de algumas famílias e junte-se o calor do verão brasileiro e o cenário está armado. Independentemente de cultura ou idade, por mais inimaginável que possa parecer, a situação ainda ocorre: é absurdo oferecer qualquer quantidade, por menor que seja, de qualquer bebida alcoólica, para crianças”, destaca Moises Chencinski.
O pediatra destaca que, além de ser proibido por lei, é extremamente prejudicial, podendo, até, ser fatal. Quanto mais precoce o estímulo alcoólico para pessoas com tendência ao vício, mais cedo e mais certamente esse hábito poderá se instalar e levar a sérios prejuízos à saúde futura desse indivíduo.
“Além disso, crianças são indivíduos em crescimento e desenvolvimento, sendo mais suscetíveis a estímulos, com riscos de quadros graves, mesmo com pequenas quantidades de substâncias nocivas, inclusive o álcool”, lembra o médico, membro do Departamento de Pediatria Ambulatorial e Cuidados Primários da Sociedade de Pediatria de São Paulo.
E com relação à fantasia?
Quanto riso, oh, quanta alegria! Mais de mil palhaços no salão... Batman, Homem Aranha, Cinderela, Havaiana, Pequena Sereia… Qual vai ser o personagem do seu pequeno?
“Na hora de escolher a fantasia preste atenção ao tecido, para que seja leve e arejado, como o algodão, e não aperte a criança. Não se esqueça de escolher sapatos confortáveis e que seu filho já esteja acostumado a usar. Cuidado também com os adereços e mantenha a criança longe de espadas, lanças e objetos pontiagudos. Há também quem prefira usar a pintura. Essa opção é indicada para maiores de 2 anos, e com tinta adequada e antialérgica para evitar intoxicações. Ainda assim, faça um teste antes de aplicar no rosto de seu super-herói ou de sua princesa”, ensina Chencinski.
É recomendável evitar sprays de espuma e neve, bem como a serpentina artificial. Eles são perigosos porque contém substâncias químicas que podem causar irritação ou sensibilidade na pele e nos olhos. "Estudos recentes demonstraram que, quando o contato com esses sprays é prolongado ou se são usados sob o sol, eles podem ter seus malefícios potencializados. Recomenda-se, nestes casos, lavar a pele e os olhos o mais rápido possível após o contato. Já as máscaras devem ser usadas com muito cuidado porque, durante a brincadeira do carnaval, elas podem se deslocar e prejudicar até a respiração da criança", conta o pediatra.
Cuidados na multidão
Allah-la-ô, mas que calor... Na praia, nos clubes, as festividades para as crianças acontecem de manhã e à tarde. Assim, no calor do clima e na aglomeração que também eleva a temperatura, as crianças precisam de proteção.
“Em relação ao sol vale a pena seguir a mesma orientação de qualquer época do ano. Evitar exposição direta entre 10 e 16 horas, sempre usando protetor solar, mesmo fora desse horário. O calor pode aparecer e ser um fator agravante também em salões fechados, com muita gente pulando e se divertindo, especialmente nas crianças fantasiadas que correm e se divertem incansavelmente. Lembre-se da hidratação constante”, destaca Moises Chencinski.
Durante o carnaval, os pais também estão educando e formando cidadãos. “Assim, mesmo que os banheiros químicos instalados nas ruas  não sejam convidativos, não vale fazer xixi na rua! Levem lenços umedecidos e protetores de assento para ajudar  a criança a encarar o banheiro químico. Outra opção é achar um bar ou restaurante e utilizar os banheiros de lá, adotando os mesmos cuidados”, recomenda o pediatra.
Chencinski ainda lembra que as crianças não têm noção do perigo, e pela sua curiosidade natural podem se perder, distraídas no meio da multidão. “Faça uma pulseirinha de identificação para o seu filho com o nome dele, dos pais, telefone e endereço. É importante explicar que isso é um recurso de segurança caso ele se perca. Não deixe as crianças sem supervisão, sozinhas, no meio da multidão. Fiquem sempre de olho. Neste sentido, vale a pena conferir o material da campanha Defenda-se, uma série de vídeos que visa chamar a atenção para os cuidados preventivos que devem ser tomados em relação à violência sexual no carnaval”, diz o médico.

*MW-Consultoria de Comunicação & Marketing em Saúde

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Prefeito de Morro Agudo assina convênio para o Programa Viva Leite

O prefeito de Morro Agudo, Amauri Benedetti assinou convênio para o Programa Viva Leite no último dia 14, em evento promovido no auditório do Departamento de Estradas e Rodagem (DER), em Ribeirão Preto, com a presença do secretário estadual de Desenvolvimento Social, Floriano Pesaro.
O secretário Floriano Pesaro firmou convênios do Programa Viva Leite com os municípios que integram a Diretoria Regional de Assistência e Desenvolvimento Social sendo 25 da região de Ribeirão Preto e 23 de Franca.
O prefeito Amauri Benedetti esteve presente no ato da assinatura do convênio e assim garantir o fornecimento de leite para as crianças do Município. ‘‘Em Morro Agudo o Projeto Viva Leite atende 629 crianças, com idade entre seis meses e menores de seis anos, que recebem cerca de 15 litros de leite por mês. É uma grande satisfação assinar esse convênio e garantir o atendimento a essas crianças”, disse o Prefeito.
Com a assinatura dos convênios, a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social garante mais de 250 mil litros de leite por mês para que sejam distribuídos para os mais de 17 mil beneficiários.
O Projeto Viva Leite é o maior programa estadual de distribuição gratuita de leite pasteurizado do Brasil. Criado pelo Governo do Estado de São Paulo em 1995, no interior do Estado o Programa teve início em 1997. Anualmente, são distribuídos cerca de 90 milhões de litros de leite para crianças em situação de insegurança alimentar e vulnerabilidade social.

Participam do Programa crianças de 6 meses a 5 anos e 11 meses. A prioridade é que pertençam a famílias com renda mensal de até 1/4 de salário mínimo per capita e todos devem estar cadastrados no CadÚnico.



Sindicato Rural inicia o I Ciclo de Palestras sobre a cana de açúcar com grande número de produtores de Morro Agudo

Com um grande número de produtores, o Sindicato Rural de Morro Agudo iniciou no último sábado (dia 16), o I Ciclo de Palestras sobre a cana de açúcar, com o apoio da Syngenta, Nutrigesso Gesso Agrícola e Cooperativa Agrícola  Mista  de Adamantina.
A primeira palestra da manhã, proferida pelo Prof. Dr. Victório Laerte Furlani Neto, abordou o “Preparo de solo e plantio. Quebra de paradigmas para época de crise no setor e no País”. Graduado em Engenharia Agronômica e doutorado em Solos e Nutrição de Plantas, pela USP, ele é professor da Universidade Federal de São Carlos.
Após o café da manhã, o palestrante colocou-se à disposição para responder as perguntas dos produtores presentes.
O presidente do Sindicato Rural, Alexandre Vanis Volpon agradeceu a presença de todos e a advogada Lauriane de Castro Torres convidou aqueles que ainda não são associados a se associarem ao Sindicato morroagudense. Em seguida, ela apresentou o advogado e assessor jurídico do Sindicato, Ivan Alari, que se colocou à disposição dos associados.
O diretor da Nutrigesso, Marcelo Nonino falou sobre a importância da correção do solo e dos produtos da Nutrion Gesso Agrícola.
A segunda palestra do dia foi apresentada pelo especialista Dr. Ronaldo Cabrera, formado como engenheiro agrônomo, mestre e doutor pela Cena – Esalq/USP, falou sobre o “Aumento da eficiência da Adubação”, encerrando o Modulo I, do I Ciclo de Palestras.

O Modulo II está agendado para o dia 13 de fevereiro, com a palestra do engenheiro agrônomo, Pedro Vilela Rosa, representante técnico de vendas da Syngenta.













Gestão política leva Petrobras para a lama
*Reginaldo Gonçalves

As operações efetuadas por meio das investigações da Lava-Jato têm identificado a ação de desvio de recursos em uma das maiores estatais brasileiras. E também indicando os pontos de fragilidade e o uso da empresa para alicerçar algumas manobras na economia brasileira.
Há muito tempo o governo vem utilizando a estatal para a famosa operação tapa-buraco do orçamento, fazendo exportações de plataforma para aumentar a balança comercial. Outra ação é segurar o preço do petróleo para evitar o aumento da inflação. Isso, além de descapitalizar a empresa, acaba prejudicando seus investimentos.
Após a identificação de má gestão e desvio de recursos para patrocinar partidos políticos, a contabilidade criativa entrou em ação, com a postergação da perda com variação cambial que foram lançadas no patrimônio líquido e cuja amortização será efetuada em sete anos, antecipando indevidamente os lucros e aumentando o dividendo pago ao governo para melhorar o seu caixa.
Em virtude de toda política na qual o governo é o principal acionista e participante do conselho de administração, muitas ações deixaram de ser realizadas e com isso, o seu planejamento estratégico foi prejudicado. Isso porque o foco do governo foi a exploração do pré-sal como alternativa para fugir das importações e ser um país auto suficiente e não dependente da importação.
A identificação do rombo da operação Lava-Jato, em torno de R$ 6,194 bilhões, é um valor considerado pequeno para o tamanho já identificado,  inclusive pela própria Lava-Jato, que poderia atingir cerca de R$ 42,8 bilhões. O montante não reconhecido na peça contábil e que de forma indireta foi desvalorizado em seu ativo por meio da operação chamada de teste de impairment (avaliação dos ativos a valor de Mercado) demonstra que seus ativos tiveram um ajuste significativo mas não reconhecido pelos desvios que ocorreram em obras em Pernambuco e no Rio de Janeiro.
Com um dos maiores endividamentos apontados no terceiro trimestre do ano passado, a dívida bruta de R$ 506,5 bilhões faz com que a Petrobras seja apontada como a segunda empresa mais endividada da América Latina.
Com a perda da nota de crédito pelas agências internacionais, a busca por capital para investimentos ficou mais difícil e mais caro e pressiona a empresa. Trata-se de um momento delicado para se desfazer de ativos que podem acabar sendo desvalorizados, já que muitos deles podem ser vendidos na "bacia das almas", ou seja a preço de mercado muito ruim.
A Brasken, indústria química pode ser a próxima a sair do seu portfólio de investimentos, atingindo em sua venda o valor aproximado de R$ 5,8 bilhões. O valor é considerado baixo, já que seu endividamento é significativo e registrou aumento em virtude da desvalorização do real, que vem ocorrendo desde dezembro de 2015.
A guerra de forças está no preço internacional do barril de petróleo que atingiu o valor de US$ 30,44 em 12 de janeiro último e que leva por água abaixo o investimento no pré-sal - o custo de extração está em torno de US$ 45, inviabilizando a atual matriz de exploração e toda a sinergia vertida para esse negócio. Esse fato deve mudar o planejamento estratégico, inclusive na reavaliação de custos na extração do pré-sal ou até a sua descontinuidade temporária, já que o mercado acredita que o preço do barril de petróleo pode atingir US$ 20.
O ganho na importação do produto, mesmo com a desvalorização do real, está sendo criticado. O valor na bomba, na aquisição do combustível, é mais caro do que o petróleo importado. Mas a empresa mantém seu preço para recuperação do caixa da estatal, já que infelizmente os financiamentos de longo prazo estão bem mais caros, em virtude da desconfiança na liquidação das suas dívidas.
Restam os problemas das empresas, como a Sete Brasil, constituída com a Petrobras para locação de sondas. Por conta da identificação de desvio de finalidade, por meio da operação da Lava-Jato, foram paralisados os contratos. Ou seja, é uma empresa que tem a participação da Petrobras e indo à deriva. Ela está em busca da recuperação judicial e sua descontinuidade poderá refletir futuramente em seu balanço, ou seja, mais uma gestão duvidosa.
A próxima publicação das demonstrações financeiras poderá trazer mais surpresas, mas no curto prazo a sua recuperação é inviável. Haverá a necessidade de técnicos mais preparados para mudar a sinergia da Petrobras e modificar o perfil da gestão da organização. As ações diretas do governo devem ser minimizadas para não prejudicar a transparência e a prestação de contas para os investidores, embora seja difícil tirar uma parte do poder do governo do Conselho de Administração, já que muitas das decisões acabam tendo influência política.

*Reginaldo Gonçalves é coordenador do curso de Ciências Contábeis da Faculdade Santa Marcelina (FASM) 
Dirigir e Digitar
*Creso de Franco Peixoto
          A evolução tecnológica altera costumes. Condução veicular inclusa. Celular, aplicativo da direção, apesar da proibição e campanhas midiáticas. Motoristas falam com mão sobre uma orelha. Vistos com cabeça ligeiramente inclinada para frente, dá até para perceber movimento dos olhos para baixo e para cima, tentando manter pretensa segurança. Supõem-se suficientemente prestidigitadores para evitar multas.
     A multa passou de média para gravíssima em 2009, com o dobro do valor financeiro (OESP;C4; 26/11/2009). Em 5 anos, o que se vê é a tendência de acobertar e não de se evitar o uso.
         Pesquisa da FEI publicada em 2011 estima 4,5 s para o motorista pegar o celular e ler o número de quem o chama. Para digitar 2 algarismos, 2 s; mais que o dobro do tempo para perceber e reagir perante iminente impacto em via urbana, que é de ¾ s (Correio Braziliense; p. 21; 6/12/2011). Segundo novas pesquisas da FEI em 2015, agravam-se as condições.
      Os cenários desta nova simulação consideram o uso do celular para acessar aplicativo com dois toques, digitar palavra de 5 letras em teclado touch-screen e desvio de percurso gerado por desatenção; carro desgovernado. O tempo médio para dar dois toques foi de 5,2 s, elevação de 3,2 s (160%) em relação à pesquisa anterior. O tempo para digitar uma palavra de 5 letras foi de 4,8 s; 6,4 vezes acima da referência. O tempo médio para o carro “desgovernado” atingir o limite da faixa de tráfego foi de 6,9 s. Descontou-se 1,3 s das leituras, referente ao tempo de leitura do cronômetro. Manteve-se respeito ao artigo 252/CTB em função do teclado de simulação ter sido colado sobre a direção: mãos no volante. Quanto à segurança, artigo 169/CTB, cumprido: pesquisa em longo trecho retilíneo de rodovia de baixo volume de tráfego, fora de horário pico e pavimento regular e íntegro.
       A diferença tecnológica entre celulares influencia. O teclado touchscreen exige olhar para a tela. No antigo, de botões, tato e memória não ocupam tanto a visão.
      Pesquisou-se também a ocorrência de uso em rodovia, em veículos sob excesso de velocidade, em pista dupla paulista limitada em 110 km/h. Motoristas interagindo no celular: 17%, provavelmente digitando: 3,5%. Das amostras estudadas, 35% apresentavam vidros escuros. A porcentagem de motoristas que interagia com celulares é alta, indicando despreocupação com o risco e com a probabilidade de serem multados.
    Campanhas precisam focar os riscos ainda maiores em alta velocidade e que a prática do “é melhor digitar do que falar porque é mais fácil para se acobertar” torna iminente um acidente onde a perda veicular é o fato menos importante. Há ainda o aspecto cognitivo. Ao se interagir com celulares ou similares enquanto se guia, a atenção é dividida entre para brisa e teclado.
      O uso de tecnologias mais recentes em cockpit veicular, tais como bluetooth, para evitar o manuseio de aparelhos bem como softwares de interação por voz com o motorista, que avaliam a forma de falar e até a entonação, podem reduzir sensivelmente o risco de digitar, guiar com sono ou até sob ação de substância no sangue que possa alterar o grau de atenção. Afinal, o objetivo final é a minimização dos graves acidentes, quando o protagonista deveria estar apenas nos bolsos dos motoristas.

 *Creso de Franco Peixoto é Mestre em Transportes e professor de Engenharia Civil da FEI
Direitos humanos e deveres espirituais 

No dia 10 de dezembro, comemorou-se oficialmente o 67o aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos, votada pela Assembleia-Geral das Nações Unidas em Paris, no Palácio de Chaillot, no ano de 1948. Ela se tornou uma das principais cartas que regem as nobres iniciativas da ONU, inspirando a elaboração de outros importantes documentos e constituições, a exemplo da Carta brasileira, proclamada em 1988, a “constituição cidadã”, na definição do deputado Ulysses Guimarães (1916-1992), que presidiu a Assembleia Nacional Constituinte.
O “Rascunho de Genebra” - Eleanor Roosevelt (1884-1962), viúva do presidente norte-americano Franklin Delano Roosevelt (1882-1945), comandara desde janeiro de 1947 o Comitê dos Direitos Humanos, reunido pela ONU, até a adoção dos 30 artigos naquele memorável dezembro de 1948. Considerada a força motriz do projeto, dona Eleanor liderou um grupo com 18 integrantes de heterogênea formação cultural, política e religiosa, elaborando o que ficou conhecido como o “Rascunho de Genebra”, em setembro de 1948, apresentado e submetido à aprovação dos mais de 50 países membros. É com grande orgulho que recordamos a participação do ilustre jornalista brasileiro, meu dileto amigo, Austregésilo de Athayde (1898-1993), um dos mais destacados colaboradores desse extraordinário trabalho. Ele também ocupou a presidência da Academia Brasileira de Letras (ABL) e do Conselho de Honra para a construção do ParlaMundi da LBV, em Brasília/DF.
A almejada liberdade - Ao longo das eras, o estudo do Direito foi sendo aperfeiçoado, a fim de dar garantias cada vez mais sólidas à sociedade. O século 20, por exemplo, nos legou um imenso aprendizado por meio de sucessivas conquistas civis.
Em homenagem a tantos ativistas que, ao longo da História, almejaram liberdade e condições dignas de vida, e em contribuição a tão significativo marco, trago-lhes trecho de modesta palestra que proferi, publicada, entre outros, em Reflexões e Pensamentos — Dialética da Boa Vontade (1987) e no Manifesto da Boa Vontade (21 de outubro de 1991):
Acreditar que possa haver direitos sem deveres é levar ao maior prejuízo a causa da liberdade. Importante é esclarecer que, quando aponto os deveres do cidadão acima dos seus próprios direitos, em hipótese alguma defendo uma visão distorcida do trabalho, em que a escravidão é uma de suas facetas mais abomináveis.
Por isso, queremos que todos os seres humanos sejam realmente iguais em direitos e oportunidades, e cujos méritos sociais, intelectuais, culturais e religiosos, por mais louvados e reconhecidos, não se percam dos direitos e liberdades dos demais cidadãos. Porquanto, liberdade sem fraternidade é condenação ao caos.
Uma sociedade em que Deus e Suas Leis de Amor e Justiça inspirem zelo à liberdade individual, para garantir segurança política e jurídica a todos, como nos inspira o Natal do Cristo de Deus. Falo do Criador Supremo, não do errôneo entendimento que procura fazer Dele, que é Amor, instrumento execrável de fanatismo e tirania, preconceito e ódio. Consequentemente, não me refiro ao deus antropomórfico, caricato, criado à imagem e semelhança do homem imperfeito. (...)
As virtudes reais serão aquelas constituídas pela própria criatura na ocupação honesta dos seus dias, na administração dos seus bens e no respeito pelo que é alheio, na bela e instigante aventura da vida. Uma nação que se faça de tais elementos será sempre forte e inviolável.
Desejo que, em pleno século 21, consigamos consolidar esses ideais e expandi-los aos povos da Terra, para que sejam plenamente vivenciados. E jamais repetir o século 20 naquilo em que ele foi um fracasso.

*José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor
paivanetto@lbv.org.brwww.boavontade.com
Prefeitura mantém atendimento em Creche durante as férias escolares

A Prefeitura de Morro Agudo, através da Secretária Municipal de Educação mantém em pleno funcionamento a Creche Maria Floriano Rosa, com toda a infraestrutura normalmente dispensada durante o ano, para o atendimento de aproximadamente 100 crianças cujas mães comprovaram que trabalham e não tem com quem deixar os seus filhos durante as férias escolares em janeiro.
“Com esta iniciativa estamos concretizando mais um dos compromissos assumidos pelo prefeito Amauri Benedetti durante sua campanha”, fala a secretária municipal de Educação, Maira das Graças Saab Benedetti.
O Projeto Férias na Creche foi implantado pela atual Administração em 2013 e desde então atende centenas de crianças durante os recessos e de férias escolares, no Município


Horário especial para exames ginecológicos das mulheres em Morro Agudo será mantido em 2016

A Secretaria Municipal de Saúde de Morro Agudo informa que o horário especial de atendimento para o exame de prevenção de câncer de colo de útero para as mulheres que trabalham em período integral, será mantido em 2016.
O prefeito Amauri Benedetti lembra que esse tipo de câncer é o segundo mais comum entre as mulheres e por isso desde o início de sua Administração determinou que fosse criado um horário especial de atendimento para as mulheres que trabalham fora e que encontrava dificuldades para fazer o exame no horário convencional das Unidades de Saúde.
Para facilitar a realização do exame, o prefeito Amauri Benedetti fala que a Unidade Básica de Saúde Celso Ibonan Roselino, fica à disposição das mulheres que trabalham fora, todas as quartas-feiras, das 17h00 às 20h00, para fazer o exame de Papanicolau.
“Além desse horário especial de atendimento,  a Prefeitura de Morro Agudo também fez um importante investimento na metodologia utilizada na realização do exame preventivo e agora Morro Agudo está entre um seleto grupo de cidades que utiliza uma das técnicas mais modernas do mundo que é o Papanicolau em base líquida”, fala o secretário municipal de Saúde, Sebastião Cognetti.

Para fazer o exame, as mulheres devem procurar a Unidade de Saúde mais próxima de sua casa, das 07h00 às 17h00, portando o RG, CPF e cartão do SUS. Já as que dependem do horário especial, podem se dirigir à UBS Celso Ibonan Roselino, às quartas-feiras, das 17h00 às 20h00.


Morro Agudo registra apenas quatro casos de dengue, mas Secretaria de Saúde pede cuidado para a população


O calor aliado às chuvas são dois fatores favoráveis para o aumento no número de casos de dengue e demais doenças que são transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti.
Nos últimos dias a alternância entre chuva e calor, além do acúmulo de água parada criou um ambiente perfeito para a proliferação do mosquito da dengue, assim população deve ter mais cuidado ainda, já que a maior parte dos criadouros do mosquito encontra-se no lixo doméstico, como bacias, latas, garrafas, pneus e poças d’água.

Como não existe vacina ou drogas antivirais para combater a dengue, é necessário que todos redobrem a atenção e eliminem os possíveis criadouros do mosquito que conforme os especialistas é o responsável pela transmissão de pelo menos três doenças, tais como a dengue, zikavírus e febre chikungunya.

O secretário municipal de Saúde, Sebastião Cognetti, Morro Agudo registrou apenas quatro casos de dengue confirmados, mas mesmo assim é importante que cada família assuma o papel de combatente, verificando e eliminando todos possíveis locais que acumulem água.

“É fundamental que todos se conscientizem da importância de não deixar água parada em vasilhas jogadas nos quintais, brinquedos, pneus velhos, vasos, piscina e em outros locais onde o mosquito possa colocar seus ovos”, orienta o Secretário.

Sebastião Cognetti disse que os agentes epidemiológicos estão intensificando os trabalhos com o objetivo de manter o Município longe de uma epidemia de dengue, nessa época de chuvas, como já está acontecendo em várias cidades da região que contabilizam diversos casos de dengue.
Sete dicas imperdíveis para entrar em forma antes do Carnaval
* Patrícia Lopes

O ano mal começou e o Carnaval já está batendo na porta. É hora de aproveitar o feriado mais animado do ano, seja na praia, na cidade ou na folia. O que não pode faltar é disposição. Mas, se você também quer arrasar no biquíni e perder os quilinhos extras adquiridos nas festas de final de ano, não deixe de conferir essas sete dicas imperdíveis para entrar em forma antes do Carnaval:
1) Mantenha-se hidratada - essa dica, apesar de óbvia, é extremamente importante no processo de emagrecimento. Além de ser fundamental para hidratar o corpo, a água propicia um melhor transporte dos nutrientes para as células e também contribui para a eliminação das toxinas produzidas pelo organismo. Se for ingerida cerca de 30 minutos antes das refeições, ela ainda diminui a sensação de fome fazendo com que você coma menos. Além do consumo de água também é recomendada a ingestão frutas como laranja, melancia, melão e abacaxi, assim como os sucos dos mesmos, com um toque especial de hortelã. Também é muito bom tomar chás entre as refeições, como chá de hibisco, branco ou verde, que favorecem, e muito, a hidratação.
2) Use e abuse das opções detox - é impressionante o volume de líquidos e toxinas que podem acumular no nosso organismo e nos deixar inchadas. Para o projeto carnaval de poucos dias, vale a pena investir nos sucos e chás detox que têm efeito anti-inflamatório e antioxidante. Aliados a uma alimentação rica em nutrientes, eles são eficazes em promover uma limpeza no organismo, eliminando a retenção hídrica e alguns quilinhos extras. Além dos sucos é essencial incluir na sua dieta frutas cítricas e vermelhas, que tem ação anti-inflamatória, protegem o fígado e promovem ação antioxidante, e também vegetais e leguminosos como couve-flor, brócolis, couve, rabanete, entre outros, que possuem ação antitumoral e aceleram essa eliminação de toxinas.
3) Potencialize seus resultados com óleos naturais - existem no mercado excelentes opções de óleos funcionais capazes de impulsionar a eliminação da gordura corporal. Neste verão, a grande novidade é o Óleo de Baru. Extraído da semente da castanha de baru, esse óleo aumenta a atividade das enzimas antioxidantes e desempenha papel importante na redução do estresse, um dos principais agentes causadores do ganho de peso. Com propriedade sacietógena tão grande quanto a chia, o produto desempenha ação cardioprotetora, uma vez que promove a redução do colesterol LDL e o aumento nos níveis do colesterol HDL, o chamado bom colesterol. O produto, que foi testado em estudo cientifico, comprovou a perda 1.5kg de gordura em dois meses e já está se tornando o queridinho das mulheres.
4) Evite o glúten e invista nos alimentos integrais - outra boa dica para manter a dieta balanceada é evitar alimentos que contenham glúten, proteína presente, por exemplo, no trigo e na cevada, e substituir os alimentos tradicionais pelos integrais, uma vez que estes ajudam o intestino a funcionar melhor, aceleram o metabolismo e baixam o índice glicêmico, o que evita a produção excessiva de insulina, hormônio que estimula o organismo a estocar gordura.
5) Inclua alimentos termogênicos no cardápio - esses alimentos são grandes aliados no processo de emagrecimento, pois aumentam a temperatura do corpo ativando seu metabolismo e acelerando a perda de gordura. Uma sugestão é incluí-los nas receitas detox, o gengibre, por exemplo, pode ser combinado com vários sucos diferentes.
6) Se alimente de três em três horas - outra regra mais do que essencial. Quando fazemos mais refeições ao longo do dia, comemos uma menor quantidade e mantemos nosso organismo sempre ativo. Assim, o cérebro passa a entender que não precisa guardar toda a gordura do alimento que vai ingerir, pois já já irá receber mais.
7) Mexa-se - a última dica vale por duas e é pra dar adeus de vez a indesejada barriguinha. Comece hoje mesmo a praticar exercícios físicos.  Crie uma rotina de atividades e não deixe de cumprir nenhum dia. Assim, você já terá meio caminho andado na sua meta musa fitness do Carnaval. Além de ficar em forma ainda vai condicionar seu corpo para a maratona de folia. Um excelente incentivo é aproveitar o verão para praticar atividades ao ar livre.
Agora, para mandar as gordurinhas pra bem longe e brilhar muito no Carnaval tem que colocar a mão na massa e suar a camisa. Vale a pena lembrar que não existe milagre, mais importante do que emagrecer é ter saúde, então pode esquecer essas dietas malucas que encontramos por aí. Tenho certeza que seguindo essas dicas você vai arrasar no biquíni e curtir muito o feriadão, sem medo de ser feliz!
*Patrícia Lopes é nutricionista especializada em suplementos alimentares e responsável pelo departamento técnico de desenvolvimento de novos produtos da Global Suplementos.
**InformaMídia Comunicação


Veterinário alerta sobre o aumento de intoxicação de animais domésticos por medicamentos de uso controlado

A negligência dos donos de cães e gatos tem causado um grande dano à saúde dos fiéis companheiros do homem.  A constatação é do médico veterinário Paulo José Barros Magalhães, da Clínica barretense CãoPeão que afirma que os incidentes com medicamentos têm aumentado consideravelmente nos últimos dois anos.
Remédios para insônia, depressão, síndrome do pânico e outras doenças psíquicas estão entre os principais medicamentos ingeridos acidentalmente por cães e gatos. Outros medicamentos de uso controlado como Rivotril também estão na lista dos negligentes.
O médico veterinário Paulo Magalhães percebeu o aumento nos últimos anos e atrela o descuido a problemas pessoais e globais, “as pessoas aderiram a uma rotina desordenada de trabalho e relações pessoais e não estão sabendo administrar isso, consequentemente o ambiente familiar fica sem cuidado, prejudicando inclusive os animais”, disse.

*Cia da Mensagem   
 
Dicas de penteados para cair na folia no Carnaval

O Hair sytlist Italo Saliccio, parceiro da Belliz Company, mostra que é fácil ter um penteado moderno e com a cara do verão para a festa mais animada do Brasil
O Carnaval está chegando e para complementar o visual da folia que tal um penteado incrível para curtir o feriadão bonita, com o cabelo moderno e sem passar sufoco por conta do calor do verão? O hair stylist Italo Saliccio, parceiro da empresa Belliz Company, separou três estilos despojados e práticos que qualquer mulher consegue fazer sozinha e rapidamente.
Alguns penteados nunca saem de moda, mas podem ganhar um toque mais alegre com cores e acessórios típicos da maior festa popular brasileira. Confira as dicas para cada penteado e escolha o que mais combina com o seu estilo:


Rabo de Cavalo:  o tradicional rabo de cavalo é algo simples de ser feito, porém pode ficar mais charmoso com um toque especial no acabamento.
“Não tem segredo para fazer um rabo de cavalo, é só prender todo o cabelo com um elástico na altura que desejar. Para dar um up, uma boa opção é pegar uma mecha fina e dar uma volta ao redor do elástico para cobri-lo. O que sobrar da mecha, basta colocar um grampo invisível para prender por baixo do elástico”, aconselha o hair styslist.


Trança:  a clássica trança também pode ser um penteado excelente, ainda mais se feita no estilo embutida lateral.
“Para realizar esse penteado, o primeiro passo é escovar o cabelo e direcionar para o lado desejado. Feito isso, pegue uma mecha do alto da cabeça, na região da franja, divida em três partes, inicie como uma trança tradicional. O que muda nesse penteado é que depois do segundo ou terceiro trançado, precisa acrescentar mais uma mecha de cada lado e incluir à trança. Esse passo deve ser feito até o final do comprimento do cabelo ou na altura da nuca”, afirma.

Coque com acessórios: presente em diversas ocasiões, o coque é um penteado versátil e prático de ser feito. Para que ele fique a cara do Carnaval, alguns truques podem deixá-lo incrível e com um toque carnavalesco.

“Uma boa pedida para deixar o pescoço fresquinho é o coque no alto. Aplique um spray fixador nos fios e junte todos na altura desejada, o spray vai ajudar os fios a ficarem no lugar. Puxe todos os fios para o alto da cabeça e torça todo o cabelo. Esse passo vai criar textura ao coque, além de tornar mais funcional o penteado. Agora faça o coque e se preferir algo mais despojado, deixe a base do cabelo mais frouxa e prenda com o auxílio de grampo. E por fim, coloque o adereço que desejar ou, como exemplo, tic tac e grampos coloridos podem ser uma ótima opção”, comenta Italo Saliccio.